Walk away

Sabe uma coisa que me irrita e irrita profundamente? Gente que quer chocar. Chocar por chocar, assim, sem mais nem menos, sem propósito, só pra ser cool. Aliás, que coisa isso de ser cool, mas vamos lá.

Por exemplo, antes eu não ligava muito pra Lady Gaga. Era do tipo “deixa ela lá cantando de maneira gaga e usando as roupas esdrúxulas”. Mas chega um ponto no qual a mídia fica tão em cima, é tanta foto, tanto comentário e tanta importância dada ao que diabos essa mulher (e tanta controvérsia até em relação a se é mulher ou não) usa, que sinceramente acho que um ser se propõe a colocar um vestido de carne porque sabe que tem público – e só. Não tem mais porque.

E enquanto a coisa tá lá, meio distante, ainda irrita menos, embora irrite. Mas quando alguém vem falar pra você coisas do tipo “Vou raspar minha cabeça. Minha tia diz que é muito libertador. Isso e matar uma pessoa.”… Dá vontade de vomitar. No mínimo. Aí só me resta sair de perto e confirmar minha hostilidade com certas coisas/pessoas mesmo. Porque embora eu seja otimista com as pessoas, não sou platéia idiota.

*Ao som de Franz Ferdinand – Walk Away

Anúncios

2 Comentários

Arquivado em Uncategorized

2 Respostas para “Walk away

  1. Saulo

    Isso é realmente chato! Até por que pra alguma coisa chocar um faficheiro, tem que ser braba, né? Mas aí eu venho com a pergunta profunda: se você não gosta daquilo que é feito só pra chocar, diga-me o que achou do final da temporada de House? (HAN??? O QUE?) É eu sei, nada a ver com nada. Mas eu sei que você gosta e imagino que tenha visto o último episódio da série. Você concorda que é o típico exemplo de algo feito mais pra chocar do que pra ser coerente? Um exemplo menos claro do que a Lady Gaga.

    • Olivia

      Saulo, eu tardo mas nao falho, entao respondo agora seu comentário.

      Até hoje nao terminei de ver House! Ou pelo menos acho que nao, neste ultima temporada fui bem desligada… Peraí… É o no último que ele faz cirurgia nele mesmo? Se for: não sei se se adequa nesta coisa especificamente,… Mas enfim, o negócio é que essas pessoas que fazem algo diferente, nojento, repugnante, só pra chocar, só pra isso, sem nenhuma intençao, ainda que a intençao seja mostrar pra pessoa que ela se choca com determinadas coisas e não com outras e que até por aí dá pra pensar a normalidade e o que é aceito pela sociedade ou não, enfim, chocar por chocar pura e simplesmente, pra aparecer, me causa um não sei o que – que não é bom.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s